Mensagem falsa sugere automedicação para tratar Covid – 19

 Mensagem falsa sugere automedicação para tratar Covid – 19

Recebemos uma denúncia do aplicativo Eu Fiscalizo de uma mensagem de Whatsapp que traz diversas informações sobre a Covid – 19, desde sintomas da doença até métodos de tratamento para eliminar o coronavírus.

A mensagem não contém, informa que foi preparada por “profissionais da saúde” e parte do pressuposto de que o sistema de saúde do Brasil está em colapso.

O alarmismo e a falta de identificação já são suficientes para classificar este boato como falso, pois são elementos comuns nesse tipo de mensagem. Esse artifício é efetivo porque apela para a falta de conhecimento e receio do público que a recebe.

Além disso, há diversas outras informações conflituosas presentes ao longo da mensagem. Os sintomas, como falta de ar, dor de cabeça e sensação febril, descritos na mensagem estão corretos e correspondem aos sintomas da Covid – 19 nas suas etapas. No entanto, o texto também traz sugestões de medicação, como invermectina, vitamina C e xarope para tosse.

A automedicação é perigosa, e os remédios descritos na mensagem não possuem comprovação científica de eficácia contra o coronavírus. A medicação para o tratamento da Covid – 19 é aplicada apenas em pacientes clínicos em hospitais, onde há acompanhamento médico e diversos equipamentos que monitoram o estado do paciente.

Outra informação falsa contida na mensagem é a de que o pH do coronavírus varia de 5,5 a 8,5, e que para eliminar o virus do corpo basta consumir alimentos alcalinos, como limão (pH 8,2) ou laranjas (pH 9,2). Na verdade, o limão e a laranja são frutas cítricas e ácidas, com pH menor que 7,0 (neutro na escala).

O Nujoc Checagem já verificou outros boatos semelhantes, com a associações erradas entre os pH do vírus, do corpo humano e de outros alimentos.

Ainda não há uma cura para a Covid – 19, e não existem pesquisas que comprovem a eficiência de medicamentos como a invermectina (citado nesta matéria) no tratamento da doença. Já verificamos boatos sobre a ação deste medicamento.

O Nujoc Checagem já comprovou também que qualquer medicação deve ser administrada apenas em pacientes hospitalares da Covid – 19, onde há a presença de uma equipe médica para monitorar a condição dos infectados.

Equipe NUJOC

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *