Vacina russa Sputnik V tem eficácia de 97,6% em estudo no ‘mundo real’

 Vacina russa Sputnik V tem eficácia de 97,6% em estudo no ‘mundo real’

Nova pesquisa surpreendeu a população ao apresentar dados ainda maiores do que avaliações anteriores.

Uma informação enviada pelo aplicativo Eu Fiscalizo está gerando bastante repercussão nas redes sociais. Cientistas russos concluíram que a vacina Sputnik V contra a covid-19 tem eficácia de 97,6% no “mundo real”.
O anúncio foi feito pelo Instituto Gamaleya, de Moscou, e o Fundo de Investimentos Diretos da Rússia (RDIF) nessa segunda-feira (19), e de acordo com as informações, a pesquisa fez uma avaliação envolvendo 3,8 milhões de pessoas que receberam as duas doses do imunizante.

O estudo no “mundo real” é mais amplo e apresenta evidência científica mais clara e confiável para mudança no padrão de tratamento.
A nova taxa de eficácia surpreendeu diversos internautas por ser ainda mais mais alta que a de 91,6%, destacada em resultados de um estudo em grande escala com a Sputnik V, publicado na revista médica The Lancet no início do ano.
Os dados foram reunidos a partir de uma base de informações mantida pelo Ministério da Saúde do país e que registra pessoas vacinadas, assim como de uma base de dados de pessoas infectadas pela covid-19 no país.
Com a avaliação da nova pesquisa, a Sputnik V se torna o imunizante que tem uma das melhores taxas de proteção contra o coronavírus entre todas as vacinas disponíveis.

Equipe NUJOC